Você está em: Home > Revista e noticias

NOTÍCIA

Aventureiros

Mais uma vez, 2 grupos de amigos levantaram cedo da cama neste sábado dispostos a fazer TRILHA.

Aventureiros
Mais uma vez, 2 grupos de amigos levantaram cedo da cama neste sábado dispostos a fazer TRILHA.

Um grupo estava disposto a sujar os pneus e fazer churrasco no mato. Outro grupo queria fazer trilha pesada. Ambos decidiram trilhar na região do Verde II em Cotia e Itapecerica da Serra. Cada um num sentido e encontraram-se no primeiro trecho numa saudável confraternização.

Não faltou emoção e diversão para ninguém. Neste dia foi o batismo do casal Cristiane Philip e Rodrigo que voltaram para o esporte inicialmente praticado pelo veterano pai da Cris que plantou a sementinha. Preparam com capricho seu jeep ouvindo e selecionando as boas informações dos mais experientes. Uma combinação simples e perfeita de pneus, guincho e acessórios. Perceberam a importância da preparação desde a manutenção da viatura, preparação das pessoas que estavam dispostas a brincar e equipamentos como pás, ferramentas e até bandaid para ajudar na recuperação num pequeno corte de participante. Nesta aventura numa trilha conhecida como Carlãozinho ou entre os mais antigos como "quebra carro" não faltou emoção. Teve de tudo: lama, erosão, carro de lado, conserto de carro na trilha, mas tudo dentro do espírito off road. Entrou junto, sai junto.

A troca de informações, dicas preciosas de condução do veículo e atitudes como uso de cinta, luvas e de como utilizar os equipamentos passa de geração a geração mas sempre precisamos valorizar e ouvir os mais experientes. No final, como sempre, churrasco debaixo da lona esticada entre os jeeps o melhor churrasco regado a prosas e causos. Alma lavada, espírito renovado e corpo moído.

A parte ruim ficou por constatar que ainda existem pessoas sem conscientização que abrem abortos porque ou não têm veículos preparados ou não têm braço para transpor os obstáculos. Precisamos ainda melhorar esta condição educando as pessoas para acabarem com este tipo de degradação onde só tende a fazer com que as pessoas fechem as trilhas e terminem com a nossa brincadeira por culpa de pessoas preguiçosas, despreparadas e sem consciência.


Autor: Alexandre Scobar

COMENTE A MATÉRIA


COMENTÁRIOS


Não possui comentários



ANÚNCIOS INDICADOS